O bem virá.

Hoje vou contar uma historinha para vocês. Não sei se vocês vão se identificar com ela, mais leiam e tentem tirar algum proveito disso. 
Existia  uma menina cujo nome é melhor não mencionar agora. Talvez como você ela tinha acabado de voltar a estudar. No ano que tinha se passado, ela teve muitas dificuldades, não só no campo emocional, mais também no campo escolar. Ela era muito ingenua, e todos diziam isso para ela. Apesar de ter praticamente a mesma idade que seus amigos, em muitas áreas ela se sentia perdida, pois ela não se aptava ao tipo de conversa que eles acabavam chegando vez ou outra. 
Em um ano, o ano que ela pensava que seria um dos melhores da sua vida, ela teve mais decepções do que coisas que a deixa-se realmente feliz. Estava começando a perder o foco, pois a alegria muitas vezes sumia. 
Fez amigos, desfez amizades. Chorou, sorriu. Descobriu dentro dos seus considerados amigos, verdadeiros amigos. Descobriu dentro daqueles sem importância no seu meio social, novas amizades. Dentro dos seus "verdadeiros" amigos, descobriu inimigo... O de sempre. 
Ainda ao se lembrar dos seu ano conturbado ela ainda levanta alguns questionamentos. O por que aquilo ocorreu? Por que justo naquele momento? Por que não ocorreu antes (ou depois) ? Algumas perguntas ela não achou resposta, nem imediata e muito menos depois. Mas para outras perguntas ela encontrou respostas. São essas respostas que a ajudam a seguir em frente. Essas respostas não vieram escritas e entregues de mão beijada. Para consegui-las ela teve que deixar as coisas seguirem o seu caminho. Parou de se questionar, pois as perguntas já não faziam sentido. Deixou que as respostas viessem do seu modo, como Deus queria entrega-las. 
Um novo ano começou. Um mes desse ano já se foi. Talvez as coisas esse ano já tenham começado mal, mais sabe, essa menina aprendeu a esperar. Esperar por que o bem virá. Pode até parecer clichê, mais é a realidade. As coisas acontecem no seu tempo exato, e ela só viu isso depois de meses lutando por respostas. As coisas que você está vivendo é sempre para um bem maior, talvez você não veja, mais com o tempo você verá. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário