O tempo não para

Estava eu esperando minha mãe novamente. Agora com o novo emprego que ela conseguiu eu tenho que ficar esperando mais alguns minutos no colégio. Nesse tempo se não estou com os meus amigos eu fico escutando musica. Nesse dia, todos do minha sala já tinham ido embora e eu fiquei ali observando as pessoas de outras salas, todos mais novos – já que a minha turma é a mais velha. -  Aquelas meninas chamaram a minha atenção, deviam ter seus 12/13 anos e estavam sentadas perto de mim, e sem saber que estavam sendo observadas conversavam entre si.
Fiquei ali as observando e lembrando da época que eu tinha essa idade. Não que faça muitos anos, mas parece que foi a séculos atrás. A época que estava descobrindo como era conversar com os meninos, que eu e minhas amigas ficávamos trocando risinhos de coisas bobinhas mas que para nós eram especiais. Nos chamávamos de doces – chocolate, doce de leite ninho – lembra? Cada um fazia parte da mesma família, cada qual com sua posição, fui filha de diversas amigas – por vezes mais novas que eu, e isso era engraçado. Tudo era especial. Nosso mundo era aquele, não nos preocupávamos com política, dinheiro publico ou mesmo na critica social que o filme V de Vingança faz.
Tudo que era serio para os "adultos", para nós eram coisas bobas, futilidades. Ainda imaginava que existia príncipe e por vezes escrevi para AQUELE garoto do colégio, que era considerado o sonho de qualquer garota. Brigávamos porque uma amiga não quis sentar conosco no recreio. E falando assim parece bobo e ridículo, mas na época não era. Hoje meus sonhos são outros, julgo maiores do que naquela época. O mais engraçado é que as garotas ainda estão lá. Cometendo os mesmos erros e acertando nos momentos certos – ou não. E eu estou aqui, me sentindo velha pela nostalgia e nova quando penso que minha mãe deve rir de mim quando me vê cometendo os mesmos erros que ela pode ter cometido.

2 comentários:

  1. Texto lindo, tem muito a ver comigo, que vivi boa parte do que estava escrito lá. E bem, era uma época legal, mas meio ruim, porque a gente acreditava em tudo que via e ouvia e as vezes isso nos deixava triste. Lembrando que hoje é seu aniversário, muitas felicidades, paz, amor, saúde e que seus sonhos se concretizem. Acho que vc está fazendo 17 anos né ? Bom, curta muito ele, pois a partir do ano que vem uma hora dessa vc já será de maior, e terá que encarar muitos obstáculos.

    Beijão e um feliz aniversário!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disse tudo! A gente era bem ingenuo..
      Nossa, Obrigada pela lembrança ! Tudo de bom pra você também

      Excluir